Viagem – Buenos Aires – Cemitério da Recoleta! (parte 3)

buenos12

“Esperamos o Senhor”. Entrada do Cemitério da Recoleta!

Olá, pessoal!

Essa é a última parte dos posts sobre Buenos Aires. Espero que vocês tenham gostado tanto de lê-los como eu gostei de fazê-los! :)

Certo, quem viaja e tira mais fotos de um “cemitério turístico” do que da própria cidade em si?
Resposta: Eu.

Pode parecer meio macabro dizer isso, mas o Cemitério da Recoleta foi um dos lugares mais, mais, mais fantásticos que já tive a oportunidade de conhecer.
O cemitério se tornou uma espécie de museu. Um dos maiores motivos para isso é o fato de que o corpo da Evita Perón (ex primeira dama da Argentina) está enterrado lá.

1

8

5

Esse é o túmulo da Evita Perón. É bem simples, nada extravagante como a maioria dos outros nesse cemitério. Até hoje, todos os dias várias e várias pessoas vão lá e deixam flores, bilhetes, tiram fotos.
É um tanto bonito ver que até hoje existem pessoas que ainda a admiram pelo que ela foi.

7

Inscrição no túmulo da Evita. :)

6

4

Daí você olha para o lado e tem uma tumba com um “anjo” guardando a porta. Isso dá medo, falando sério! auhauhauah Mas é fascinante, ao mesmo tempo. Não é?

3

De todas as fotos que tirei lá, essa é a minha preferida.

12

10

Uma família inteira enterrada na mesma tumba!

11

Tudo é muito lindo e muito macabro ao mesmo tempo. É tudo tão bem feito! Nesse cemitério, apenas as pessoas mais importantes eram enterradas lá e não existem túmulos e caixões “normais”. Existem milhares de catedrais pequenas, estátuas, tumbas gigantes para uma única pessoa. É impressionante!

9

8

24

Anjos, muitos anjos.
Fiquei andando e olhando para todas essas coisas e tentei pensar no porquê de cada uma delas estar ali. Quem foram aquelas pessoas? Qual a sua história? Poderiam ter sido professores, heróis de guerra, presidentes… Ou pessoas comuns.

Lá é um cemitério mas não parece ser um. Sabe aquele cheiro e ar pesado? Não tem lá. É como se fosse um museu gigante com uma decoração de gosto duvidoso. Mas daí as vezes eu parava e me tocava que tinha gente morta em todos os lugares ao meu redor e isso só me deixava mais impressionada.

23

21

Algo que me deixou com uma sensação ruim é que tem várias tumbas com partes de vidro. Várias dessas estavam quebradas, danificadas. Não sei se foi a ação do tempo ou alguém desrespeitando os corpos ali, mas algo que sei é que EU nunca andaria nesse lugar a noite. E o tenho dito! auhauhauah

19

18

17

Esse portinha de madeira estava numa das últimas ruas do cemitério, escondida bem no cantinho.

16

Você andando por uma ruela pequenininha de um dos cemitérios mais famosos da América do Sul, encontra uma portinha enferrujada aberta e ouve vozes lá de dentro.
Não sei se eram turistas, almas do além ou os próprios mortos se levantando, mas vou te dizer uma coisa: Eu não fiquei pra descobrir!

15

É tudo muito grande, lá. Não só as tumbas e nomes e inscrições… Mas o lugar por si. É imenso! E tem muitas ruas, ruelas, entradas e becos lá dentro. Quando você acha que viu tudo, vira numa esquina e encontra mais histórias, mais túmulos, mais coisa pra ver. É realmente muito muito grande.

14

13

22

20

Por último, há uma entrada lateral do cemitério. Lá fica um homem de pé, todo de preto, completamente imóvel e com os olhos fechados. Vou falar: até eu arrepiei.
Daí, claro que tem alguns espertinhos que vão lá e tiram fotos e de vez em quando o “morto” mexe levemente o braço ou a posição e é engraçado ver a pessoa correndo, desesperada. hahahahahahahahaha

26

27

25

Fim!

Sei que devo ter usado demais as palavras “impressionante”, “macabro” e “fantástico”, mas não consigo descrever esse lugar de outra forma…
Espero que tenham gostado de conhecer um pouquinho do Cemitério da Recoleta comigo e não me achem doida demais por ter achado esse lugar tão incrível. hahaha!

Obrigada por tudo, sempre!

P.s.: FELIZ VALENTINE’S DAY PRA TODO MUNDO! {♥}

Anúncios

Viagem – Buenos Aires – Roteiro de viagem! (parte 2)

IMG_2826

Olá, pessoal!

Quando postei a primeira parte desse post, algo que me deixou feliz foi ver as pessoas comentando, falando que deu vontade de ir conhecer. É muito muito lindo isso. Então, primeiro de tudo: obrigada. {♥}
(E esse post vai em homenagem à @erikaabonnie que é a menina linda e mais feliz do mundo quando se trata de Buenos Aires!)

Brace yourselfs: isso aqui vai ficar imenso e cheio de fotos!
Por mim eu faria um post para cada um dos lugares, mas pouparei vocês de tanta falação auhauhau

Primeira consideração: Buenos Aires é muito pequenininha. Andar de taxi lá é legal porquê é barato e a distância é pouca, mas dá pra fazer tudo a pé! Os pontos principais e turísticos da cidade são todos pertinhos. Mas pertinhos mesmo, do tipo duas ruas a frente, duas ruas atrás.

Plaza de Mayo e a Casa Rosada
É o centro histórico e político do país! A Plaza de Mayo é em frente à Casa Rosada, que é a sede da presidência da República Argentina. Lá dentro também tem um museu, que fala sobre a vida de presidentes passados.
Frente à Praça de Maio está também o Cabildo, que era responsável por representar Buenos Aires frente à metrópole, antigamente.
Nos arredores está também a Praça do Congresso, e de lá dá para ver o Obelisco e a Catedral Metropolitana (outros dois pontos turísticos! Tudo pertinho).

buenos

A Casa Rosada, sede da presidência Argentina.

Casa Rosada

1kakaka

plaza

A Plaza de Mayo.

Uma coisa muito incrível na Praça de Maio são As mães da Praça de Maio.
São mulheres que, desde 1970, se reúnem todas as quintas-feiras nessa praça com cartazes, camisetas e fotos de seus filhos desaparecidos durante a Ditadura Militar na Argentina. Mais de 30 anos depois, elas continuam indo todas as semanas, choram, exigem notícias do governo como forma de protesto mesmo! Quando soube disso, meu coração ficou apertado. É algo triste, mas ao mesmo tempo… É lindo. Dá uma vontadezinha de chorar.

Saber que não importa quanto tempo passe, quantas pessoas já te esqueceram… Mães permanecem. Mães, daquelas bem pentelhas mesmo, sabe? Daquelas que não desistem nunca. E isso é uma das coisas mais lindas que posso pensar.
(leia mais sobre isso aqui)

55555♥ Catedral Metropolitana
É muito, muito bonita! A decoração da igreja é toda renascentista e neobarroca.
E também, lá dentro está enterrado o corpo de José de San Martín. Ele foi um general muito importante que atuou na independência da Espanha, Argentina, Chile e Peru.

5h

55

98

85

25

Esse é um prédio muito bonito e gigante bem ao lado da Catedral. Infelizmente, não lembro exatamente o que ele é.. Mas só a vista já vale a pena. :)

Obelisco!
Duas ruas ao lado da Praça de Maio, da Casa Rosada e da Catedral Metropolitana, está o coração (turístico, pelo menos) de Buenos Aires. O Obelisco é gigaaaaaantesco e as ruas ao seu redor é o centro de tudo. É onde estão os teatros, lojas, a Rua Florida, restaurantes, bancos e tudo o mais. Quando fui, fiquei na Avenida Corrientes – a rua mais importante do Centro, descendo frente ao Obelisco.

Por incrível que pareça, no centro é onde estão as opções mais “em conta” de hospedagem. :)

1h

O Obelisco. ♥

1hhh

1hh

… e tudo ao redor dele. Queria que essa foto demonstrasse o que realmente é. Gente vendendo coisinhas na praça, construções, gigantes… E aquele letreiro do McDonald’s ali BRILHA! E fica acendendo e apagando as letras!

buenos4

buenos8

IMG_3326

654

Essa foto foi só pra fazer inveja na minha irmã. Ela ama a Grachi, e a Grachi estava perto DE MIM! hahahahahahahahahaha

Rua Florida
É muito amor. É uma rua muito comprida mesmo (e que inclusive, tem várias ruas que a cruzam e que TAMBÉM são a Rua Florida) com muitas, muitas lojas, muitos lugares e coisas pra fazer. Pra mim, é o melhor lugar de Buenos Aires inteiro!

Seja pra comprar, seja pra andar, seja pra comer ou ver as coisas. Lá tem desde uma Igreja Universal (juro!) até uma loja de departamento imensa no estilo das Lojas Americanas, e tem centros de fast foods em cada esquina da rua. É genial. ♥

Tive sorte, porquê fiquei num hotel ao lado dessa rua. Bem pertinho. *-*

IMG_3328

buenos5

55

IMG_3297

Eu DISSE que lá tinha uma Universal! auhauhua :)

Recoleta
Junto com Palermo e Puerto Madero, é o bairro nobre de Buenos Aires. As coisas lá são bem mais caras do que no centro e é um bairro lindo. Duas coisas legais lá é que acontecem várias feirinhas populares (daquelas que vendem trequinhos e coisinhas mesmo *-*) e tem o Cemitério da Recoleta.

IMG_3305

IMG_2977

IMG_2973

IMG_2971

buenos2

♥ Caminito!
Esse é um dos lugares mais afastados da cidade. É uma rua-museu, e que é um dos símbolos de Buenos Aires! As casas são todas coloridas e lá há várias feirinhas, lojinhas, gente passando, show de tango ao vivo… Tão alegre!

IMG_2957

IMG_2954

IMG_2935

IMG_2934

IMG_2939

IMG_2944

IMG_2927

IMG_2926

IMG_2924

IMG_2922

IMG_2920

:)

Ufa! Acabei.

Gostaram? É um lugar lindo, não?
Espero que tenham tirado algumas dúvidas, conhecido um pouco dos lugares através dessas fotos e se encantado um pouquinho junto comigo, também!

A parte 3 desse post (e última!) vai ser sobre o Cemitério da Recoleta. Acho que foi um dos lugares mais fantásticos que já fui em toda minha vida! Eu ia falar dele aqui também, mas achei que ele merece uma página só dele.

Obrigada por tudo!

{♥}

Viagem – Buenos Aires! – Conhecendo a cidade e dicas (parte 1)

buenos1

Oi, pessoal!

Fui a Buenos Aires em Julho do ano passado. Estava arrumando algumas pastas do meu computador e encontrei algumas fotos perdidas… Me deu saudade e resolvi vir aqui contar um pouco sobre como foi a viagem e minhas impressões sobre o lugar!
Algo que me deixa triste é que, como viajei sozinha, não tenho muitas fotos minhas por lá.. :(

Espero que gostem!!
p.s.: Todas as fotos aqui são de minha autoria. :)

A cidade:

♥ A cidade é uma mistura entre tradicional e contemporâneo. Grandes prédios, inúmeros museus, casas de shows, igrejas gigantescas com lindas pinturas, muitas esculturas, muitas praças, muito verde. Ao mesmo tempo, várias construções modernas. É como se sentir parte em séculos antigos e parte no século 21! E também, parece um pedacinho da Europa em território sul-americano. *-*

buenos1

buenos2

♥ Faz frio. O inverno de lá não é muito rigoroso, mas é frio para quem é acostumado com o clima brasileiro.
No meu primeiro dia, fui andar pela cidade com um casaco bem fininho e apesar da temperatura durante a tarde ser amena (de 15 a 20° C), faz um vento muito forte e com pouco tempo de caminhada fiquei com o nariz vermelhinho e com as mãos congelando!
Durante a noite faz mais frio ainda. O maior frio que já senti na vida foi lá – 5°C!- durante a noite. Então: roupa de frio sempre!

buenos2

Duas coisas nessa foto:
1 – Percebe todo mundo agasalhadinho?
2 – O contraste antigo/novo. Os dois prédios em primeiro plano, tradicionais, e os prédios lá atrás bem modernos. Acho isso incrível!

♥ Vá a pé! As ruas são todas planas (muito difícil encontrar ladeiras ou subidas) e em cada rua tem várias lojas, restaurantes aconchegantes, teatros e várias atrações. Todas as ruas são lindas, cheias de construções imensas e lugares fotogênicos. Há feirinhas populares, banquinhas de revistas por todos os lados, várias lojas de conveniência, livrarias… Um charme. *-*

22 de julho

22 de julho, 9:00 da manhã. Uma rua qualquer pra me encantar!

buenos3

Essa aí no cantinho foi minha companheira de quarto. *-* auhauhau

buenos4

Nesse dia, acordei bem cedinho e fui andar. Meu café da manhã foi no McDonald’s (saudável!) e ainda peguei o sol nascendo. ♥

buenos10

Este é o Caminito. Falo mais sobre ele no próximo post!

buenos11

Bairro Recoleta!

buenos12

ESSE é o lugar mais fantástico de Buenos Aires. Mas falo sobre ele depois também!

♥ A área comercial de Buenos Aires não para. Em qualquer hora do dia as lojas estão abertas (exceto domingos – mas várias lojas abrem também!), as ruas movimentadas e as pessoas passando apressadas de um lado para o outro. De madrugada também: a maioria das boates começa a funcionar à meia noite e tem uma rede de lojas de conveniência lá chamadas “open 25hrs” que não fecham!

55

A foto tá escura, mas essa é a rua Florida às 22:30.

buenos5

Fotos desfocadas = ♥

♥ Lá é tudo bem limpinho. Todos os lugares que fui, seja nas partes mais afastadas ou não do centro, não vi lixo no chão ou coisas do tipo. Ponto para os argentinos!

♥ Buenos Aires é a cidade do Tango. Em praticamente todas as ruas você encontra uma casa de Tango com grandes apresentações. Nelas, o instrutor inclusive “ensina” quem quiser antes do espetáculo e geralmente há um jantar depois.

buenos7

Sofrendo! AHAHAHAHAHAHAHAHA Eu e minha colega de quarto. Uma montagem que fizeram para nós, como lembrança *-*

♥ Buenos Aires também é a cidade do alfajor! E é uma delícia! Você encontra deles para vender em qualquer lojinha de doces (e são muitas). Sugiro a Havanna, que é uma das mais antigas e com os melhores alfajores.

♥ Algo que achei MUITO interessante por lá, principalmente quem pensa em ir de carro: as ruas são todas vazias. Os estacionamentos são subterrâneos, então não há engarrafamentos, trânsito pesado, dificuldade de encontrar vaga para estacionar. Só há lugar para estacionar o carro na própria rua nos lugares mais afastados do centro.

P1020055555555555

“Gosto muito de te ver, leãozinho… Caminhando sob o sol!” {♥} auhauhua

bueeeeeenos

♥ Starbucks!!!

Preciso contar uma coisa meio boba da minha vida: nunca tinha ido numa Starbucks antes. Aqui em Brasília, onde eu moro, não tem… E quando fui ao Rio e São Paulo não tomei! ahahahaha
Então, chegando em Buenos Aires, vi VÁRIAS starbucks. Fiquei pulando, toda feliz. *-*
Corri numa lan house, coloquei o endereço do hotel em que eu estava e procurei pela starbucks mais próxima. Fiz um desenho num papel, arrastei meu tio e a minha colega de quarto e fui! Felicidade define!!

Mas aí… Quando eu voltei pro hotel.. Bom, digamos que eu entendi o porquê dos meus pais/melhor amiga/namorado me chamarem de lerda. Pela primeira vez eu resolvi prestar atenção na rua ao redor e notei que tinha uma starbucks AO LADO do meu hotel. Mas ao lado mesmo, gente!! Parede com parede e eu louca andando e procurando!! Tive vontade de me dar uns tapas, daí depois eu acalmei e foi amor pro resto da viagem auhauhauhau ♥

buenos8

buenos9

Dicas pra quem pretende ir:

♥ Com relação à viagem por si só, não há muito o que se preocupar.
Não é necessário visto nem passaporte para viajar, não é preciso tomar nenhuma vacina, e apenas a identidade é obrigatória para passar na imigração.

Língua: Lá todos falam o espanhol, mas como um número muito grande de brasileiros vão pra lá (é fácil encontrar um na rua!), os argentinos começaram a se comunicar através do “portunhol”.

Eles improvisam um pouco, nós também. Tentar aprender um pouco da língua ajuda bastante, mas se você for sem saber nada também dá pra se virar bem. Até porquê, as duas línguas são parecidas. :)

♥ As pessoas costumam dizer que argentinos são mal educados e não gostam de brasileiros. Isso não é verdade! Os argentinos são muito, muito bem educados – principalmente em restaurantes, lojas e serviços no geral. A diferença é que eles não são tão “simpáticos” como nós somos. Acho que nenhum povo é, né? Nós, brasileiros, nascemos com o dom de ser um povo aconchegante por natureza. Lá, eles sorriem, te tratam bem, mas são sérios. Sem muitas piadinhas, sem ficar batendo papo e conversando.

♥ Algo que me incomodou um pouco lá: Todo mundo fuma muito. Muito mesmo. A quantidade de gente que passa nas ruas fumando (desde adolescentes a idosos!) é muito grande! Felizmente, há leis que só permitem fumar em lugares abertos.

Moeda: Peso argentino. Uma vantagem bem grande que temos é que o peso é mais de duas vezes mais barato em relação ao real, então não é uma viagem tão cara. De preferência, vá em casas de câmbio aqui no Brasil mesmo, porquê lá eles tem várias taxas de conversão e você acaba perdendo um pouco de dinheiro.

Alimentação: Argentinos não se alimentam muito bem. Há um Burger King e um McDonald’s em cada esquina! E os outros restaurantes, no geral, servem massas, pizzas e coisas do tipo. Há várias churrascarias também! Mas comida, comida mesmo, não são muitos os lugares em que se encontra.

♥  Roupa de frio é importante! Estamos acostumados com o calor do Brasil, e nos dias mais frios lá, a temperatura chega a mínima de -5°C e máxima de 10°C. A temperatura média fica entre 10°C – 20°C.

♥ Não há mudança de horário de lá pra cá. O horário é o mesmo, mas lá não tem horário de verão. É bom lembrar de ajustar o relógio uma hora antes quando for viajar! :)

♥ Ligações: prefira ligar em lojinhas de conveniência. Cabines telefônicas são mais caras.

Para ligar para o Brasil: 055 (código internacional do Brasil) + DDD da sua cidade + número de telefone.

Para ligar do Brasil para Buenos Aires: 054 (código internacional da Argentina) + 011 (código de Buenos Aires) + número do telefone.

edit: Outra coisa importante é que, usando o celular, é preciso ter créditos tanto para ligar quanto para receber ligações, por causa do Roaming Internacional.

♥ Tomadas: a voltagem é 220/240, o que é ok, mas as tomadas lá são de 3 pinos! Fui sem saber disso e acabei tendo que comprar por lá (de um vendedor ambulante na rua do meu hotel!). De preferência, compre um adaptador universal antes de viajar.

IMG_8372

Essa são as entradas de lá! :)

E é isso!

Espero que tenham gostado. Se tiverem alguma dúvida, podem perguntar e eu vou tentar ajudar com o que sei!

A parte 2 desse post vai ser onde eu vou falar sobre os lugares principais de lá, mostrar mais algumas fotos que tirei e dar indicações de onde ir, onde ficar, onde comer, o que fazer!

Obrigada por tudo, pessoal.

{♥}